Por Alina Prudencini

Se você está grávida ou já esteve nesse estado sabe muito bem que o corpo passa por diversas mudanças. Algumas dessas principais alterações são o aumento da quantidade de sangue bombeada para o coração, consumo de oxigênio e pressão venosa, redução da pressão arterial e alteração no centro de equilíbrio.

O aumento do peso sobre a pelve durante a gravidez ocasiona maiores chances de incontinência urinária e diástase abdominal, por isso é imprescindível a presença do profissional de Educação Física para a orientação sobre as atividades físicas mais indicadas para grávidas.

Confira as dicas de exercícios para o período da gravidez:

– JAMAIS realize atividade física em jejum, porque o histórico de hipoglicemia é recorrente em grávidas;

– Se estiver sentindo muitas dores a realização de uma massagem em alguns pontos do corpo ajuda a relaxar e alongar os músculos;

– Atividades respiratórias são essenciais, por isso inspire na preparação do movimento e expire ao executar o movimento;

– Evite usar a bicicleta ergométrica, pois ela gera sobrecarga na região da pelve;

– O elíptico é indicado para essa fase (quadril parado, não tire o calcanhar da base de apoio);

– Faça treino de costas, como remada aberta e remada fechada;

– Realizar exercícios com a panturrilha ajuda a evitar a ocorrência de varizes durante a gravidez;

– Faça natação e hidroginástica.

Após o parto

– Os exercícios devem ser iniciados 45 dias após o parto;

–  Atividades aeróbicas e ingestão calórica adequada geram diversos benefícios;

– Evite flexões de tronco.

Realizar exercício físico durante a gravidez e no pós-parto é muito importante para as mulheres. O risco de abortamento está mais relacionado com a má-formação do embrião e não com a atividade física em si. Portanto, aproveite essas dicas para cuidar do seu corpo antes e após a gravidez!
Olá! Podemos ajudar?
Powered by